Produtividade do Trabalho e Economias de Aglomeração: Evidências para o Estado da Bahia

Autores

  • Kecia Cristina Miranda da Silva Universidade Federal da Bahia
  • José Firmino Sousa Filho Universidade Federal da Bahia
  • Fernanda Oliveira Caires e Caires Universidade Federal da Bahia
  • Diana Lúcia Gonzaga da Silva Universidade Federal da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.54766/rberu.v14i4.719

Palavras-chave:

Produtividade do trabalho, Bahia, Economias de aglomeração, Especialização setorial, Diversificação setorial

Resumo

Este artigo analisa o efeito das economias de aglomeração sobre a produtividade do trabalho no estado da Bahia no período de 2002 a 2016. A literatura aponta que a produtividade do trabalho depende da estrutura produtiva local e das externalidades de aglomeração. Utilizou-se um modelo de dados em painel dinâmico para estimar indicadores da produtividade do trabalho em nível municipal. O Método dos Momentos Generalizados - \textit{GMM System} – com variáveis instrumentais foi adotado para lidar com a produtividade defasada e os fatores não observados dos municípios. A análise foi feita em duas etapas considerando os municípios fora do Semiárido (Grupo 1) e o conjunto de municípios do Semiárido (Grupo 2). Os resultados mostraram que a produtividade do trabalho defasada exerceu maior influência sobre os níveis de produtividade atuais, principalmente para o Grupo 1. Para ambos os grupos, os coeficientes de especialização (QL) e diversificação setorial (HHM) apresentaram efeito negativo na maioria dos setores analisados. Não foram encontradas evidências de externalidades positivas de aglomeração, a partir do tamanho populacional e das densidades da população e do emprego. As demais variáveis socioeconômicas apresentaram resultados distintos entre os grupos analisados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kecia Cristina Miranda da Silva, Universidade Federal da Bahia

Universidade Federal da Bahia

José Firmino Sousa Filho, Universidade Federal da Bahia

Universidade Federal da Bahia

Fernanda Oliveira Caires e Caires, Universidade Federal da Bahia

Universidade Federal da Bahia

Diana Lúcia Gonzaga da Silva, Universidade Federal da Bahia

Universidade Federal da Bahia

Downloads

Publicado

2020-10-21

Como Citar

SILVA, K. C. M. da .; SOUSA FILHO, J. F. .; CAIRES, F. O. C. e .; SILVA, D. L. G. da . Produtividade do Trabalho e Economias de Aglomeração: Evidências para o Estado da Bahia. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, [S. l.], v. 14, n. 4, p. 657–689, 2020. DOI: 10.54766/rberu.v14i4.719. Disponível em: https://revistaaber.org.br/rberu/article/view/719. Acesso em: 3 jul. 2022.
Share |