ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DA GESTÃO DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NOS MUNICÍPIOS DO PARANÁ

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Marcos Aurélio Brambilla
Sergio Carlos de Carvalho

Resumo

O objetivo do presente estudo é avaliar a eficiência da gestão do Programa Bolsa Família (PBF) nos municípios do Paraná no ano de 2013. Para isso, os índices de eficiência foram gerados a partir do modelo não paramétrico da Análise Envoltória de Dados, com retornos variáveis à escala, orientado a output. Para relacionar a eficiência com o tamanho do município, foi utilizado o método dos Mínimos Quadrados Ordinários (MQO). Os resultados apontaram que, três dos 399 municípios paranaenses foram eficientes (Apucarana, Mangueirinha e Paranapoema), localizados nas regiões Norte Central, Centro-Sul e Noroeste, respectivamente. O indicador que mais contribui para a gestão do PBF foi o de cobertura de cadastro no Cadastro Único. Além disso, a eficiência da gestão do PBF está inversamente relacionada com o tamanho do município, ou seja, quanto maior a eficiência da gestão do PBF, menor a população do município.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
BRAMBILLA, M. A.; CARVALHO, S. C. DE. ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DA GESTÃO DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA NOS MUNICÍPIOS DO PARANÁ. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, v. 11, n. 4, p. 537-556, 12 fev. 2018.
Seção
Artigos