IS THE TRUTH OUT THERE? AVALIANDO AS OPÇÕES DE INTEGRAÇÃO ECONÔMICA PARA O BRASIL

Eduardo Almeida, Joaquim Jose Martins Guilhoto

Resumo


O foco da estratégia de integração do governo brasileiro nos últimos anos tem se concentrado em acordos de integração econômica externa tanto em negocia-ções Norte-Sul quanto Sul-Sul. Contudo, tais negociações, baseadas na redução de barreiras tarifárias e não-tarifárias, enfrentam sérias dificuldades para a sua concreti-zação. O presente artigo tem o objetivo de avaliar opções de integração econômica, mas baseadas na redução dos custos de transporte. Para isso, foi elaborado um modelo de equilíbrio geral aplicado espacial para análise de políticas de integração econômi-ca no país. Esse modelo incorpora explicitamente os custos de transporte como uma barreira de comércio. Ademais, o modelo é especificado para as cinco macro-regiões brasileiras e cinco regiões externas (Nafta, Ásia, União Européia, a Comunidade Sul--Americana e o resto do mundo), com três fatores de produção (mão-de-obra, capital humano e outros fatores). Foram simuladas diversas opções de integração econômica com o objetivo de se analisar quais são as melhores opções de integração abertas ao País, avaliadas sob o prisma da eficiência econômica e da eqüidade regional. Os re-sultados obtidos mostram que a opção da integração econômica interna pode ser mais viável do que a integração externa no sentido de ser uma fonte de ganhos de bem-estar social e de promoção de eqüidade regional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN (impresso): 1981-3953

ISSN (eletrônico): 2447-7990


A Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos (RBERU) encontra-se em processo de ajuste para atender todos os requisitos da Scielo para indexação.

 

Indexadores & Repositórios:

        

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia